Moradores de cidades em estado de calamidade na Bahia e em Minas Gerais começam a receber o Auxílio Gás

Notícias - 28, dezembro, 2021

Famílias de 100 municípios que decretaram estado de calamidade por conta das chuvas na Bahia e em Minas Gerais são as primeiras a receber o Auxílio Gás, do Governo Federal. O benefício de R$ 52 começa ser pago nesta segunda-feira (27/12) a 108.368 famílias integrantes do Programa Auxílio Brasil.

Os beneficiários são informados do pagamento pelos aplicativos do Auxílio Brasil e do Caixa Tem. O depósito é feito na conta do programa social.

O valor do Auxílio Gás corresponde a 50% da média do preço do botijão de gás de cozinha de 13 quilos. Será concedido um benefício por família a cada dois meses.

“O Auxílio Gás será transferido para mais de 108 mil famílias de municípios em 100 municípios de calamidade pública, principalmente na Bahia e em Minas Gerais. O Auxílio Gás faz parte do Programa Auxílio Brasil”, disse o secretário especial de desenvolvimento social do Ministério da Cidadania, Robson Tuma.

As demais 5.471.632 famílias elegíveis ao Auxílio Gás receberão seus benefícios retroativamente a partir de 18 de janeiro, seguindo o calendário regular de pagamentos do Auxílio Brasil, de acordo com o Ministério da Cidadania.

Auxílio a quem está em situação de vulnerabilidade

O Auxílio Gás foi instituído pela Lei n° 14.237, de novembro de 2021, e regulamentado pelo Decreto n° 10.881, de 3 de dezembro de 2021. O programa vai atender mais de 5,5 milhões de famílias em situação de vulnerabilidade e será pago em complemento à folha do Auxílio Brasil.

Com o benefício, o Governo Federal quer dar maior qualidade de vida a brasileiros em situação de vulnerabilidade e melhorar a situação econômica de famílias afetadas com o aumento do gás e de alimentos, consequência da Covid-19.

Quem tem direito ao Auxílio Gás

É destinado a famílias inscritas no Cadastro Único do Governo Federal, com renda per capita menor ou igual a meio salário mínimo e integrantes do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Para receber o benefício não é necessário realizar cadastro. O Governo Federal utilizará a estrutura do Programa Auxílio Brasil para realizar os pagamentos do Auxílio Gás, por meio da Caixa Econômica Federal.